Acuado, Bolsonaro libera fundo eleitoral e diz temer impeachment

Da Folha: Poucas horas depois de sinalizar que vetaria o fundo eleitoral de R$ 2 bilhões para 2020, o presidente Jair Bolsonaro disse na noite desta quinta-feira (19) que deve seguir recomendação de sua assessoria jurídica e sancionar o projeto como foi aprovado pelo Congresso. Em sua live semanal nas redes sociais, o presidente argumentou que pode […]

Continue reading